Cadastra-se para receber notícias
Finanças

16/03/2007 12:00

Tamanho da fonte

A apresentação do demonstrativo financeiro do primeiro bimestre pelo governo do Estado, na tarde desta sexta-feira, causou preocupação ao vice-líder do PT, deputado Elvino Bohn Gass. Segundo o deputado, a realidade dos serviços públicos no Rio Grande do Sul não permite que a governadora comemore economia de recursos. É incrível que em meio à crise do transporte escolar e dos hospitais filantrópicos, o Executivo anuncie efusivamente que economizou R$ 276 milhões no primeiro bimestre de 2007. É o mais puro cinismo político, protestou.

Bohn Gass disse que a governadora Yeda Crusiu deveria estar preocupada em resolver os problemas do Estado e não em produzir factóides sobre a sua gestão financeira. A governadora ainda diz que o ajuste fiscal será aprofundado. Desse jeito, onde vamos parar?, questionou. O deputado petista ressaltou, ainda, que os atos do atual governo nada tem a ver com as promessas da então candidata Yeda Crusius. A governadora disse na campanha que não ia aumentar impostos e apresentou o tarifaço. Como pode dizer que está cumprindo promessas de campanha?, argumentou.

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter