Cadastra-se para receber notícias
CONSOLIDADO NA LIDERANÇA, LULA PODE VENCER NO 1º TURNO

29/06/2018 02:23

Tamanho da fonte

CONSOLIDADO NA LIDERANÇA, LULA PODE VENCER NO 1º TURNO

// Deputados da Bancada do PT na Câmara comemoraram a divulgação de mais uma pesquisa eleitoral que reafirma o favoritismo do ex-presidente Lula para a disputa à presidência da República nas eleições de outubro. Segundo a pesquisa Ibope/CNI, divulgada nesta quinta-feira (28), o ex-presidente se mantém na liderança folgada da disputa mesmo depois de quase três meses preso, após o final de processo injusto onde faltaram provas mas sobraram convicções.

No levantamento, Lula (PT) tem 33%; Jair Bolsonaro (PSL) 15%; Marina Silva (Rede) 7%; Ciro Gomes (PDT) e Geraldo Alckmin (PSDB) 4%; e Álvaro Dias (Podemos) com 2%. Com apenas 1% aparecem Manuela D’Ávila (PC do B), Fernando Collor (PTC), Flávio Rocha (PRB), Levy Fidelix (PRTB) e João Goulart Filho (PPL).

Segundo os parlamentares petistas, o povo brasileiro não esquece os avanços obtidos pelo País quando Lula foi presidente. Por isso mesmo a população já percebeu que a prisão do ex-presidente tem como objetivo apenas afastá-lo do processo eleitoral deste ano.

Leia abaixo algumas declarações dos deputados petistas sobre o desempenho de Lula:

Elvino Bohn Gass (RS) – “Mais uma pesquisa. E, mais uma vez, Lula na frente. O povo brasileiro já decidiu: quer Lula presidente. Mantê-lo preso injustamente é desrespeitar a justiça, por que seu encarceramento é um abuso; e a democracia, por que ele tem o respeito, a admiração e carrega a esperança da maioria.”

O líder do PT na Câmara, Paulo Lula Pimenta (RS), analisa a pesquisa que mostra o presidente Lula com mais do que o dobro de intenção de votos do segundo colocado, e praticamente com a soma de todos os demais. “O levantamento revela que uma eleição sem Lula não teria legitimidade. Por outro lado, demonstra que o povo brasileiro tem saudade do ex-presidente por conta de tudo aquilo que ele já fez e a confiança e certeza de tudo que ele ainda poderá fazer pelo Brasil”, destaca o líder.

Caetano (BA) – “O resultado dessa pesquisa revela o que a gente vê nas nossas andanças pelo Brasil: o povo está com saudade do Lula! O povo brasileiro sente falta de Lula e percebeu a grande trama para a sua injusta prisão. Para os brasileiros e brasileiras só há uma opção: Lula presidente! O povo quer ser feliz de novo!”.

Reginaldo Lopes (MG) – “O golpe não se sustenta. Tentam calar Lula, impedir que ele ande o Brasil e converse com o povo brasileiro. Mas a ligação de Lula com o povo é profunda, porque ele conhece as raízes do Brasil e do brasileiro, que por sua vez, sabe reconhecer de perto quando uma injustiça acontece. Todas as pesquisas comprovam a vontade popular: É Lula de novo, contra o golpe e com a força do povo! ”.

José Mentor (SP) – “Esse levantamento é a prova do reconhecimento do legado que o Lula deixou para o país. O povo não esquece. E mesmo depois de 82 dias preso, sem ter cometido crime algum, ele continua sendo reconhecido pela maioria da população como o único candidato com credibilidade para tirar o País da crise”.

Benedita da Silva (RJ) – “A nova pesquisa CNI/IBOPE, apontando possível vitória de Lula no 1º turno, é a maior resposta do povo brasileiro ao golpe de 2016. A população quer Lula livre, candidato e presidente da República novamente, pois a solução para o Brasil sair dessa tragédia, em que a direita o jogou, se chama Luiz Inácio Lula da Silva”.

Margarida Salomão (MG) –  “Se há uma certeza política que hoje podemos sustentar é que o povo brasileiro quer Lula na Presidência da República. Assim bate o coração brasileiro: é Brasil Hexa e Lula Tri”.

Celso Pansera (RJ) – “Lula segue preso. Mas os demais candidatos é que são reféns de seus erros. E Lula segue líder incontestável”.

Jorge Solla (BA) – “A liderança insofismável de Lula é fato objetivo que só se consolida a cada pesquisa que se faça. Será assim até o fim. O judiciário tem nas mãos a decisão de acabar com o golpe e permitir que o povo eleja o projeto de País que defenda os seus interesses. Precisa fazer isso logo. Chegou a hora dessa farsa acabar”.

Vicente Cândido (SP) – “A cada pesquisa que mostra Lula a frente, nossos adversários ficam desnorteados, sem rumo. Por isso a única alternativa que eles têm para impedi-lo de vencer as eleições e mantê-lo preso, para tira-lo da disputa, porque sabem que o povo quer ser feliz de novo, e ter novamente crescimento econômico, distribuição de renda e autoestima elevada”.

Valmir Assunção (BA) – “Lula é o preferido da população brasileira, por que é o único que pode trazer o Brasil de volta ao caminho da felicidade e da prosperidade. Por isso, é fundamental que a justiça seja feita, Lula fique livre e, assim, termos o Brasil feliz de novo”.

José Guimarães (CE) – “A nova pesquisa mostra que mesmo afastado de forma arbitrária e injusta da vida pública há três meses, Lula segue sendo a grande esperança do povo por mudanças. O ex-presidente tem chances reais de vencer a eleição no primeiro turno, o que deixa seus adversários preocupados, pois nem 2006, ao fim do seu primeiro governo isso aconteceu. A liderança de Lula está consolidada”.

Marco Maia (RS) – “Aponte uma pesquisa de intenção de votos e tenha certeza: Lula é líder em todas! O Brasil mostra mais uma vez que o lugar de Lula é na presidência. Ter 33% das intenções de votos só confirma que a farsa não se sustenta, e que o povo quer ser feliz de novo”.

Josias Gomes (BA) – “Essa pesquisa prova que houve um grande erro político desses golpistas que retiraram do poder uma presidenta legitimamente eleita com mais de 54 milhões de votos. Não existe hipótese de o Lula não ser eleito presidente, a não ser que o judiciário, com apoio da mídia, não deixe”.

Helder Salomão (ES) – “A pesquisa mostra que o povo brasileiro reconhece quem foi o melhor presidente da história do nosso País. A candidatura do Lula é legítima, é necessária para tirar o Brasil da crise. Se o impedirem de ser candidato, será mais um golpe contra a democracia.”

Bohn Gass (RS) – “Mais uma pesquisa. E, mais uma vez, Lula na frente. O povo brasileiro já decidiu: quer Lula presidente. Mantê-lo preso injustamente é desrespeitar a justiça, por que seu encarceramento é um abuso; e a democracia, por que ele tem o respeito, a admiração e carrega a esperança da maioria.”

Luizianne Lins (CE) – “Nós não poderíamos esperar um resultado diferente nessa pesquisa, que mostra a consolidação da candidatura de Lula e o desejo de um Brasil feliz de novo. A capacidade de liderança, sabedoria, comando, percepção e de sensibilidade faz dele um ser humano ímpar. Certamente, o maior líder popular que este País já teve na história contemporânea, porque Lula é uma construção de todos nós. Lula encarna a esperança para milhões de brasileiros e embala o sonho de um Brasil que volte a crescer com justiça social e distribuição de renda; respeito e tolerância. Se o objetivo do golpe era simplesmente tirar Lula da jogada, a eleição do nosso companheiro será a superação desse capítulo vergonhoso da nossa História. Lula Presidente!”

Adelmo Leão (MG) –  “O povo quer, o povo merece! Lula livre, Lula presidente”.

Luiz Couto (PB) – “A pesquisa Ibope comprova que Lula é a maior liderança política do País e que os brasileiros estão ansiosos por reconduzi-lo à presidência da República. Também fica muito clara a perseguição que tem o único propósito de tirá-lo da disputa eleitoral. Essa pesquisa é mais uma a provar que Lula foi o melhor presidente da história do País e é favorito na corrida sucessória. Assim, o processo do Golpe teve o objetivo de alijá-lo do processo eleitoral já que os golpistas não têm candidato de confiança que possa fazer frente a Lula”.

Enio Verri (PR) – “O resultado da primeira pesquisa Ibope sobre a corrida presidencial deste ano, contratada pela Confederação Nacional da Indústria, reforça o que as forças progressistas do Brasil e do mundo denunciam, que Lula é um preso político. A soma de intenção de votos dos outros candidatos é de 36%. A de Lula é de 33%. O resultado também expõe a decadente credibilidade dos que o perseguem. O maior líder popular brasileiro foi sequestrado por um golpe contra a soberania brasileira. O STF pode atenuar a mancha histórica no seu nome, se garantir a Constituição de 1988”.

 

Héber Carvalho

 

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter